Pesquisadores apresentam AdaptaBrasil MCTI ao Joint Research Center (JRC)

O pesquisador Jean Ometto (INPE). Foto: Divulgação CCST/INPE
Jean Ometto

O Produto Mínimo Viável (MVP) do sistema AdaptaBrasil MCTI foi o foco da participação dos pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e representantes do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) na reunião técnica do Joint Research Center (JRC) realizada nos dias 12 e 13 de novembro de 2019, em Ispra, Itália. Na oportunidade, também foram discutidas questões de mútuo interesse relacionadas às mudanças climáticas, visando colaborações futuras. O AdaptaBrasil MCTI (antigo SISMOI/ImpactaClima) – Sistema Brasileiro de Monitoramento de Impacto das Mudanças Climáticas é uma plataforma de monitoramento e observações dos impactos das mudanças climáticas no semiárido brasileiro.

Além de Andréa Nascimento de Araújo, coordenadora da Coordenação Geral de Clima do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI), participaram da reunião os pesquisadores Jean Ometto, Pedro R. Andrade e Gustavo Arcoverde, do INPE. A viagem foi realizada com recursos dos Diálogos Setoriais União Europeia – Brasil.

Devido à grande sinergia entre o AdaptaBrasil MCTI e diferentes grupos de pesquisa do JRC, os pesquisadores das duas instituições estão trabalhando em um projeto conjunto, a ser submetido em um futuro próximo. Uma clara oportunidade de colaboração é o co-design da melhor estrutura para indicadores multidimensionais e hierárquicos dos impactos das mudanças climáticas. Além disso, há espaço para a troca de experiências sobre práticas de comunicação e plataformas web relacionadas a indicadores compostos e hierárquicos.

Por Ana Paula Soares, Divulgação Científica, INPE

Foto: Divulgação INPE

Mais Notícias sobre AdaptaBrasil MCTI

Foto da página do portal do AdaptaBrasil - dados e impactos
Foto ilustrativa do portal AdaptaBrasil - dados e impactos
AdaptaBrasil integra índices e indicadores de impactos das mudanças climáticas
Foto do portal do AdaptaBrasil